Programas que auxiliam deficientes visuais no uso de computadores

Postado em 06. set, 2010 por Rodrigo em Programas Free

Desde o início do blog a intenção sempre foi compartilhar conhecimento sobre as diversas formas de ferramentas e aplicativos que podemos utilizar, seja para se divertir ou para adquirir conhecimento.

Para nós, que utilizamos computadores quase que diariamente, é bem simples utilizar ferramentas dos mais diversos tipos, mas você já imaginou como seria para um deficiente visual?

Sempre quis postar algo relacionado a acessibilidade mas não sabia muito bem como abordar. Geralmente os sistemas operacionais vêm com alguns recursos de acessibilidade, mas não acredito que sejam muito eficientes.

programas deficientes visuais

Trocando alguns tweets com o @renanmartinsdv fiquei sabendo sobre alguns aplicativos gratuitos que auxiliam deficientes visuais no uso de computadores. Resolvi criar esse artigo exatamente sobre isso. Talvez você não precise, mas pode conhecer alguém com algum problema visual e que, por falta de conhecimento, talvez não saiba que existam esses recursos. O melhor é que algumas dessas ferramentas são gratuitas.

Excepcionalmente neste artigo, quem dará a opinião sobre os sistemas não serei eu. Vou deixar os comentários por conta do Renan, que utiliza e me indicou os aplicativos! 😉

Leitura de Telas

Dosvox

O Dosvox é uma espécie de sistema operacional voltado aos deficientes visuais, nele podemos encontrar editor de textos (Edivox), navegador web (Webvox), cliente de e-mail (Cartavox), programa de bate-papo (Papovox) e muitos outros utilitários que facilitam a vida dos deficientes. Também podemos encontrar jogos de aventura, educativos, de raciocínio…

Como é um software opensource (de código aberto), qualquer usuário que souber programar na linguagem que foi escrito, pode alterá-lo, pois junto à pasta de instalação do programa podemos encontrar suas fontes, assim como todos os manuais do programa.

Ele é desenvolvido no Núcleo de Computação Eletrônica da Universidade Federal do Rio de Janeiro (NCE/UFRJ) por uma equipe de programadores liderada por José Antônio dos Santos Borges.

Em 2003 ganhei meu primeiro PC, um K6 com 128MB de memória e 10GB de HD… Descobri o Dosvox através de um técnico em informática, e instalei no meu PC. Comecei a explorar o sistema e ler os seus manuais, descobrindo tudo o que o Dosvox podia fazer.

O site do Dosvox é http://intervox.nce.ufrj.br/dosvox/

Um ponto negativo do Dosvox é que ele se limita apenas aos seus próprios utilitários, por exemplo se quisermos mexer em algum programa do Windows temos que usar o Monitvox, o leitor de telas do Dosvox, que não é tão bom assim. Mas pra isso podemos usar outras alternativas.

NVDA

O NVDA é mais um software código aberto, mas não é como o Dosvox. Ele interage com todos os programas do Windows cada vez melhor, já que a cada dia os próprios usuários do programa ajudam seus desenvolvedores a melhorá-lo, dando sugestões de novas funções, e alguns bugs que o programa venha a ter.

Ele é desenvolvido nos Estados Unidos, mas pode ser configurado pra falar em vários idiomas inclusive em português.

Uma coisa que pode ser muito útil para os deficientes visuais que usam mais de um PC é a versão portátil, podendo ser instalada e configurada em um pendrive, e assim que o pendrive for colocado em qualquer computador ele vai funcionar sem precisar instalar mais nada.

O site do NVDA (em inglês) é http://www.nvda-project.org/

JAWS

Este é considerado por muitos o melhor leitor de telas, mas infelizmente é pago. Os comandos para utilizá-lo são bastante parecidos com o do NVDA. Fabricado pela Freedom Scientific, o JAWS também pode ser configurado em vários idiomas entre eles o português.

A partir da versão 9, também ganhou sua versão portátil, podendo ser instalada em um pendrive.

Utilizo o JAWS desde 2004, e consigo mexer muito bem na maioria das aplicações do Windows XP no meu PC, e do Windows Vista no meu netbook.

Os programas que não são acessíveis usando o JAWS, na maioria das vezes foram mal desenvolvidas para interagir com leitores de tela, mas pra isso existem os scripts, arquivos feitos pelos próprios usuários, que auxiliam o leitor de telas a trabalhar com certos programas.

O site do JAWS (em inglês) é http://www.freedomscientific.com/downloads/jaws/jaws-downloads.asp

Nota:

Gostaria de agradecer ao Renan pelas informações e por ter participado desse artigo. Até hoje, em pouco mais de 2 anos do blog, posso dizer que esse foi um dos artigos que mais me deu prazer fazer. Gosto de me sentir útil e feliz em poder compartilhar mais essa informação, afinal, tecnologias existem e estão cada vez mais ao alcance de todos.

Ao Renan, boa sorte e bons estudos. Tenho certeza que teremos um excelente engenheiro elétrico nos próximos anos! 😀

Vocês podem entrar em contato com o Renan através do Twitter > @renanmdv

Rodrigo
Sou o idealizador do Design Tecnológico. Formado em Sistemas de Informação e pós-graduado em Segurança. Apaixonado por tecnologia e internet.

8 Comentários to “Programas que auxiliam deficientes visuais no uso de computadores”

  1. Drykah

    06. set, 2010

    Adorei o post!! Incrível como sempre =o)
    Já até estou pensando em fazer meu TCC sobre acessibilidade na informática em vez de fazer sobre Redes Sociais rs =oP

  2. Renan Martins

    06. set, 2010

    Valeu Rodrigo! Gostei muito de fazer esse post pro blog junto com vc, qualquer coisa, diz aí! E os leitores do blog q quiserem qualquer tipo de ajuda relacionada ao uso de computadores por deficientes visuais, só entrar em contato pelo Twitter @renanmdv ou MSN renanmartins_lhp@itelefonica.com.br
    Valeu!

    • Rodrigo

      07. set, 2010

      Eu que agradeço Renan!

      Abração!

  3. andre

    03. dez, 2010

    Ei esse programa tb serve pra celulares?

    • Rodrigo

      07. dez, 2010

      Que eu saiba não.

    • Renan Martins

      13. abr, 2011

      Para celulares existe o Talks, que só funciona em celulares com o sistema Symbian, geralmente, os da Nokia. Celulares com o sistema Android, a partir da versão 1.6 já rodam o seu próprio leitor, e por último, o iPhone 4 já vem com o seu leitor de telas integrado.

  4. marina pedroso

    08. abr, 2011

    Olá ,Renan sou mãe de uma filha com tetrapareseia e para ingressá-la no mundo virtual faz-se necessário o uso de software com varreduras,ou seja o cursor tem que ir sozinho nos caminhos para ela utilizar apenas um acionador (um botão) para conseguir mexer no programa.Não sei se já pesquisou este assunto,mas eu não estou conseguindo nada,gratuito e útil para ajudá~la na escola.Será que poderia me ajudar????

    • Renan Martins

      13. abr, 2011

      Olá!
      Para o tipo de deficiência que a sua filha tem, sugiro dar uma lida nesse site
      http://intervox.nce.ufrj.br/motrix/
      Esse programa é desenvolvido pelo professor Antônio Borges, da UFRJ (o mesmo que comanda a equipe de desenvolvimento do Dosvox).

      Boa sorte!