Url X-ray: Veja o link real de uma url encurtada

Postado em 27. ago, 2010 por Rodrigo em Twitter

No intuito de compartilhar links em redes sociais e com a necessidade de ocupar poucos caracteres surgiram os encurtadores de links. Dessa forma uma url de 120 caracteres pode ser “compactada” em 20, por exemplo. O encurtamento de links é muito utilizado em redes sociais como o Twitter, principalmente pela proposta do microblog em ter apenas 140 caracteres.

Descobrir link original url encurtada

O problema é que visualizamos o link encurtado, mas não sabemos para onde aquela url está apontando. Pode realmente ser um link para uma matéria interessante ou também pode ser um link para um site malicioso.

O Url X-ray surgiu com a ideia de fazer um “raio-x” do link encurtado, ou seja, você pode saber qual o link original da url que está encurtada antes de acessá-lo. Veja como é simples!

  1. Acesse o Url X-ray;
  2. Informe a url encurtada (Pode utilizar essa como exemplo: http://bit.ly/de3Och);
  3. Clique em “X-ray”.

Você receberá como resposta o link original dessa url encurtada, que no caso é:
http://designtecnologico.com/2010/08/msn-messenger-2010-beta-2-portugues-ja-esta-disponivel-para-download.html

Fiz testes com os encurtadores Migre.me, Bagarai, Blogssa e Bit.ly e funcionou direitinho.

Rodrigo
Sou o idealizador do Design Tecnológico. Formado em Sistemas de Informação e pós-graduado em Segurança. Apaixonado por tecnologia e internet.

6 Comentários to “Url X-ray: Veja o link real de uma url encurtada”

  1. @okeil

    27. ago, 2010

    cara… o App pra Google Chrome já faz isso quando alguém manda no seu twitter uma URL encurtada…
    é o Chromed Bird o nome do PLugin!

    • Rodrigo

      29. ago, 2010

      Obrigado por compartilhar! 😉

  2. Br1000

    27. ago, 2010

    Para quem usa o Firefox exite uma extensão chamada Power Twitter que também mostra o endereço original da URL encurtada e também pode encurtar uma URL muito extensa.
    Só serve para o twitter, não para outros sites.

  3. João

    27. ago, 2010

    É muito mais prático instalar o greasemonkey e um script que faz isso automaticamente, como o TinyURLDecoder.

  4. Ramon Silva

    27. ago, 2010

    Fiz o teste com o http://goo.gl/ e também funcionou!

    • Rodrigo

      29. ago, 2010

      Opa… Legal!