Google Translator Toolkit: Traduza seus documentos online

Postado em 16. jun, 2009 por Rodrigo em Google

Google Translator Toolkit traduzir documentos

O Google lançou recentemente sua ferramenta de tradução mais eficiente e humanizada. É possível fazer upload de vários tipos de documentos (HTML, Word, Open Documento, Plain text e rich text) e obter a tradução em vários idiomas, inclusive o Português Brasileiro.

Acesse o Google Translator Toolkit e faça o login com alguma conta do Gmail. No painel do sistema existem várias opções interessantes. É possível também deixar online todas as suas traduções.

Para traduzir um documento você só precisa escolher o arquivo (cuidado com o tamanho do arquivo, o Google Translator Toolkit aceita arquivos de até 1mb), faça o upload, escolha o idioma de origem e o idioma que você quer traduzir.

Também é possível editar o arquivo enquanto é feita sua tradução.

traduzir documentos

Outro recurso bem interessante é o “translation memory”, um banco de dados com traduções humanas. Segundo o próprio Google, “enquanto você faz a tradução de novas sentenças, nós procuramos automaticamente em todas as traduções existentes por traduções parecidas às novas sentenças”.

Esta, com certeza, será mais uma das grandes aplicações de sucesso do Google principalmente devido ao seu grande ideal que é o desenvolvimento de aplicações simples e funcionais.

Como traduzir arquivos pdf com o Google Translation Toolkit?

A ferramenta é simples, você só precisa fazer o upload do arquivo em pdf, esperar que ele seja convertido e depois fazer o download no formato .doc. Depois é só enviar para tradução no Google Translation Toolkit. Mas cuidado com o tamanho o arquivo gerado. O Google Translation Toolkit aceita apenas arquivos de até 1MB. Tentei fazer o upload de um arquivo de 5MB para desencargo de consciência, e depois de esperar 30 minutos, não consegui completar o upload.

Rodrigo
Sou o idealizador do Design Tecnológico. Formado em Sistemas de Informação e pós-graduado em Segurança. Apaixonado por tecnologia e internet.

Os comentários estão fechados.