As 10 tecnologias mais importantes nos próximos anos

Postado em 22. set, 2008 por Rodrigo em TI

tecnologias próximos anos
Há algumas semanas saiu em todos os portais de tecnologia sobre as 10 tecnologias mais importantes de 2009 a 2014 segundo Gartner.
Até aí tudo bem, todo mundo publicou as 10 tecnologias mas ninguém explicou que era cada uma.

Não aguentei de curiosidade e pesquisei na internet o que era cada uma delas. Segue abaixo uma breve descrição do que é cada uma, e, por favor, como são novidades (pelo menos para mim), fiquem a vontade para fazer fazer correções, acrescentar informações ou indicar referências para estudo.

* * * * *

1 – Energia e TI Verde: TI Verde é a responsabilidade que as empresas estão utilizando para contribuir com o meio ambiente. Através de soluções tecnológicas, como por exemplo, virtualização, é possível reduzir consideravelmente a emissão de poluentes, redução de equipamentos emitindo calor e por conseqüência, diminuição de gastos com energia.
2 – Comunicações Unificadas: É um processo onde todos os meios e dispositivos de comunicação e mídia são integrados permitindo que os usuários comuniquem-se em tempo real com qualquer pessoa e em qualquer lugar. Seu objetivo é aprimorar os procedimentos de negócios a alavancar comunicação. Um exemplo é a integração das redes de dados e voz através de IP.
3 – Múltiplos núcleos: São as evoluções dos processadores que antes eram únicos, depois sugiram os 2 core com 2 núcleos, os Quad core e essa evolução parece não ter fim.
4 – Metadados: É um dicionário de dados. Um registro eletrônico onde é possível saber do que se trata sem ter que ler todo seu conteúdo.
5 – Virtualização: É o processo onde é possível rodar mais um sistema operacional no computador sem perder a funcionalidade do hardware. É possível virtualizar servidores fazendo com ele diminua a quantidade de equipamentos em um determinado data Center.
6 – Computação em Nuvens: É um modelo de computação em que dados, arquivos e aplicações residem em servidores físicos ou virtuais acessíveis por meio de uma rede em qualquer dispositivo compatível. Basicamente consiste em compartilhar ferramentas computacionais pela interligação dos sistemas, semelhante às nuvens no céu. Não há necessidade de instalação de programas, serviços e armazenamento de dados, mas apenas os dispositivos de entrada (teclado e mouse) e saída (monitor) para os usuários.
7 – Mashups: Um mashup é um site ou uma aplicação web que usa conteúdo de mais de uma fonte para criar um novo serviço completo. O conteúdo usado em mashups é tipicamente código de terceiros e outros métodos de codificação de conteúdo incluem web feeds (RSS e atom) e Javascript.
8 – Fabric-based servers: Referem-se a uma infra-estrutura em que os recursos passam a ser entendidos como um pool, e capacidades de memória, processamento e entrada/saída combinam-se de acordo com as necessidades dos negócios.
9 – Real World Web: Permite a interação entre mundo real e mundo virtual.
10 – Social software: São ferramentas de interação virtual onde o usuário se cadastra em um site e a partir daí pode se comunicar com toda a rede de pessoas que estão conectadas no mesmo software social. Atualmente já existem muitos deles e os mais famosos são o Facebook, Orkut, MySpace.

Rodrigo
Sou o idealizador do Design Tecnológico. Formado em Sistemas de Informação e pós-graduado em Segurança. Apaixonado por tecnologia e internet.

Os comentários estão fechados.